Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio 1, 2011

A briga

Gustavinho é opiniático. Como a irmã, por obóvio! Daí que ele decidiu que meu peito direito não atende às especificações necessárias para uma amamentação satisfatória para os padrões dele. Sim, ele acha que manda! Pobre peito direito, cuspido, ignorado, já tomou tanto grito que se tivesse ouvido estava surdo.
Mas tudo bem, que eu também ser "opiniática" e estou te levando no bico, Gustavo. Eu coloco ele pra mamar invertido e tem dado certo. Tudo bem que ele mama e eu fico toda torta e tronxa, mas o que vale é o peito cheio ser esvaziado e neném ficar de barriga cheia. Assim todo mundo fica feliz!!

Deschupetando Ana Luiza

Chegou a hora de dar tchau pra chupeta. Pelo menos por um período de tempo durante o dia.
Desde a maternidade Ana Luiza chupa chupeta. A primeira foi presente da Dinda. E mantive o hábito porque tinha dias que meus peitos mereciam um descansinho, né?! E também porque a pepê passou a fazer parte do ritual do soninho dela: cheirinho e pepê, colinho de mãe.
Mas os anos passaram e ela foi ficando grandinha, dando sinais que estava na hora de largar a dita cuja. Então, quando decidimos, eu me vi grávida novamente. Fiquei morrendo de dó e deixei. Prometi a mim mesmo que no final do ano (2011) ela iria entregar a pepê pro bom velhinho. Foi então que as coisas saíram do controle. O vício na chupeta ficou cada dia maior, principalmente depois do nascimento do Gustavo. Ela ficava o DIA TODO com a pepê e o cheirinho e sempre com aquela carinha de triste. Todos os sentimentos: alegria, frustração, medo, felicidade, tudo era motivo pra ficar com chupeta.
Na segunda-feira dessa semana ela perdeu a ch…

Notícias

Aproveitando a sonequinha do pequeno pra vir dar uma atualizada por aqui.
Ana Luiza tá ótima. Tagarela que só, cheia de opinião sobre as coisas. Aos poucos tá amando a idéia de ter o irmão por perto. Fica fazendo gracinhas e repetindo as coisas que falamos pra ele, como se ela fosse adulta e ele o neném da casa. Fofa demais!
Gustavo, apesar de um resfriadinho que anda rondando, está bem também. Essa noite acordou TROCENTAS vezes. Acho que por conta do agito de ontem: aniversário do papai, bastante gente em casa, resfriadinho. De manhã, podre de tanto levantar, catei o gurizinho e coloquei comigo e com a Ana na cama. Ele dormiu até umas 9h. Eu e meu corpinho agradecemos. Hehehehehehe! Esse comecinho é ingrato, mas em breve (ou não, piadinha negra) eu vou voltar a dormir! hahahahahaha
E eu, melhorei do surto. Passei a apreciar mais o fato de ser mãe de duas criaturinhas lindas e saudáveis, entendi que o cansaço faz parte e que vai passar, que tenho que fazer as coisas dentro das minhas po…