Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro 30, 2011

A consulta

Hoje foi a primeira consulta quinzenal. Céus, como engordei! Pior que não consigo enxergar de onde vêm os quilinhos a mais, continuo comendo a mesma coisa, mas a balança dispara. Fiquei meio chocada, mas depois cheguei a conclusão que o importante é não chegar aos 3 dígitos!
A consulta em si, foi tranquila. Escutamos o coração do Gustavo, medimos barriga, pressão e conversamos como eu me sinto em relação ao parto. Dr. Hugo já disse que a partir de agora, sou EU quem vai guiar o trabalho dele. Fiquei toda-toda, me achando "a protagonista", me senti respeitada e isso deu um gás no meu dia! Ele sabe e respeita minha vontade por um VBAC, disse que é possível, que só depende de mim e do meu corpo, esperar e trabalhar.
Por enquanto, estou calma, serena. Acredito que o Gustavo vai chegar na hora dele, sei que não vai ser fácil, mas faço questão de passar por essa experiência, de deixar meu filho escolher a hora que ele virá ao mundo. Quero ver o meu corpo trabalhar, quero ser surpree…

Limitações

Com a barriga crescendo, surgem as limitações. Ah, isso me estressa, porque eu adoro fazer tudo ao mesmo tempo e diminuir o ritmo é quase uma tortura. Hahahahaha! Vamos à listinha:
- Não consigo mais cruzar as pernas. Sem chance, parece que pressiona a barriga, dá um ruim.
- Calçar qualquer coisa que exija o auxílio das mãos: tênis, sandálias. Uma dificuldade sem tamanho, bom mesmo é aquela havaianas velha de guerra ou então andar descalça.
- Comer chocolate ou tomar refri. Sofrimento, sofrimento, sofrimento. É comer qualquer um dos dois pra quase morrer de azia.
- Não enxergar "as partes", nem mesmo conseguir depilar sozinha. No comecinho da perda de alcance visual até dá pra fazer uma semi-depilação usando o tato, agora nem isso.
- Não encontrar posição decente pra dormir. Parece que meu colchão, aliás, qualquer colchão tem espinho e é desconfortável. Queria uma daquelas poltronas enooormes, vibratórias, massageadoras e um travesseiro fofinho. O meu travesseiro me odeia també…

Maré de azar?

Hoje de manhã fiz uma puta duma cagada. Dei com o carro na minha máquina de lavar. Esqueci que a primeira estava engatada e puf! Ainda bem que não aconteceu nada demais com o carro. A máquina de lavar amassou. Saco!
Chego no escritório, bomba! Um devedor simplesmente não vai pagar. E ainda encheu o meu saco e me enrolou o dia TODINHO pra mandar uma bosta de um documento que estou aguardando até agora. Dá-lhe F5 no e-mail. Tudo bem que eu sei que ele não vai mandar e que cada F5 me deixa mais puta da vida, mas a esperança (e auto flagelação) me acompanha. Saco²!
Meu tênis predileto FUROU. Como não tinha atendimento hoje, me dei ao luxo de ir de calça bailarina, regata e tênis. Quando olho pro tênis vi uma manchinha preta, que se mexia. Adivinhem?! Era minha meia e o tênis tinha um furo! SA-CA-NA-GEM!
O que eu mais quero é que esse dia mequetrefe acabe, quero acordar amanhã e ver que o estrago da máquina não foi tão grande, que esse devedor dunsinferno me mandou a porra do documento e que …