Pular para o conteúdo principal

Muita coisa e pouco tempo


Sabe quando a gente tem a nítida sensação que faltam horas pros nossos dias? É bem assim que estou me sentindo... parece que o tempo escorre pelos dedos e que, por mais que a gente tente segurar, não conseguimos. O tempo simplesmente voa... sem diminuir em nada a velocidade. E daí eu vou pra cama com aquela sensação de que ficou faltando muita coisa a ser resolvida. Céus!!


Mas vamos por partes... como diria meu amiguinho Jack...hehehehe


* Desfralde: estava tudo indo muito bem e maravilhoso. Daí, algum infeliz da escola resolveu cantar uma musiquinha inútil e que a Ana Luiza adorou ("Ana Banana, faz xixi na cama"). E desde então, os escapes são freqüentes. Em cima da cama principalmente. Ai, como estressa! Até conversei na escola, porque achava que tinha vindo das profes mas, parece, que veio de um grupinho de meninos do Jardim II, que canta a P55$%$&& da música pra uma menina chamada Ana Clara. Confesso que me frustro cada vez que vejo uma calça molhada ou o colchão molhado. Dá vontade de ter um faniquito. Mas a gente respira fundo, conta até mil, explica e começa tudo outra vez. Espero que essa musiquinha fdp seja esquecida logo.


* O frio: alguém me explica como esse frio é poderoso?! Fala sério... desde que o tempo ficou gelado, zilhões de coisas começaram a acontecer. Tipo reação em cadeia: primeiro veio uma dermatite miserável que não há creme que ajude, daí veio a tosse que persiste e uma pontinha de resfriado. Hoje Ana Luiza ficou de molho na casa da avó. Já está tomando vitamina C, propolina, homeopatias, etc... como o frio judia! Quanto à dermatite, liguei para uns 10 dermatos. Depois de muito pelejar, consegui uma consulta pra sexta. Mas a dermato que eu queria, só pro dia 13 de SETEMBRO!!! É mole?!


* Coisas chatas: dia desses tive a prova de que uma infância ruim acaba com a "vida adulta" de um ser menos iluminado. Recebi um email que foi pior que um tapa na cara. Cheio de "gentilezas" e "verdades" de um ser amargurado, que culpa o mundo por todas as dificuldades e que me vê como a causadora do Apocalipse. Nessas horas tenho certeza de que o mundo tá cheio de vítimas do sistema mesmo... Sabe aquelas pessoas que preferem se fechar e acreditar que "ninguém me ama, ninguém me quer", que sempre está amargurada e que, se vc está feliz, vc é má, insensível, materialista e etc... Oh my God! Dai-me paciência!


* Internet: ainda estou desprovida de internet na minha casa. Internet, TV a cabo. Nada chega. Diz a lenda que até o final do ano a NET vai passar. Os cabos já estão lá, mas os serviços não estão disponíveis. A gente contratou uma empresa pra internet via rádio. Resultado: duas manhãs de sábado inteiras presos em casa e o instalador não apareceu. Se já é assim na venda, imagina no pós venda. Parece que no quesito prestação de serviço muitas empresas estão deixando a desejar. E não adianta reclamar. O máximo que a gente consegue com os atendentes são aquelas desculpinhas básicas ("Estamos verificando, estaremos repassando, bla bla bla!"). Nada é resolvido. E não adianta ficar puto. A tendência é piorar.


* Eu: apesar de todo o estresse, eu ainda estou feliz da vida. Sem tempo, mas muito feliz. Trabalhando feito uma camela, cuidando da pitoca e do marido... cuidar de mim é um capítulo à parte, mas eu tento. Já fui no oftalmo e continuo cega na mesma proporção...hehehehe... Agora é mandar fazer óculos novos, mas cadê o tempo?! hahahahahaha...


Por falar em tempo, deixa eu correr buscar minha gordinha!!! Hoje a tarde será das meninas!!


Beijokas...




Comentários

Cris disse…
Adorei o título, ele é tão meu, hahahaha
Tb ando sem tempo. Ohh!
Mas mtooo feliz. Sabe aquelas cansadas que riem a toa? Essa sou eu.

Ai, como tem feito frio na região sul, né? Eu levo meus amores cheios de roupas pra aula. Mas é assim mesmo, né? E o verão foi um inferno de quente. Extremos, aqui estamos nós!
Bom que Ana pode ficar na vó, os meus nao podem faltar aula, pq tem prova. Tadicos!
E, amiga, ngm cantou nada a Lucao e escapava tb, faz parte do processo mesmo. Paciencia tibetana,, nessas hs!

Beijos e olha, pra consolar: eu fico tão animada qnd consigo tomar banho de 10 minutos, isso é cuidar de mim, atualmente, hahahahaha
Beijos, queridona!!
Boa semana!
Daniely disse…
Amiga,
Obrigada pelos parabens :)
Sei bem como eh essa sensacao, to precisando que meu dia tenha pelo menos 36 horas hauhauhauhauhauha

Coisa chata esse lance da musiquinha ridicula que ta atrapalhando o desfralde, aqui to comecando a me aventurar no desfralde, nunca imaginei que fosse tao trabalhoso!
Aqui o que tem castigado eh o calor! Rapha tem a pele muito sensivel e se saimos e precisamos ficar em locais abertos, ele ja fica todo empolado e a eczema volta...
Chato gente assim,ne? Eu corto todo mundo que eh assim ao meu redor kkkkkkkkk gente com sindrome de coitadinha e que joga as amarguras no ventilador, eu quero eh distancia!
Beijos, lindona!

Postagens mais visitadas deste blog

Doença da mão,pé e boca - Doencinha das Trevas

Sábado, casório pra gente ir. Quando é comecinho de tarde, Gu começa a apresentar uma febre muito da esquisita. Alta, sem nenhum outro sintoma. Um bichinho me cutucou, lembrei do bilhete que veio na agenda sobre casos de Roséola. Rá, só pode ser isso. Anti-térmico, colo, água, paciência. Adeus festerê noturno. Nossa balada da madruga será com um bebezão com febre. 
Quando é de noite, vejo que ele tem dificuldades pra engolir. Nem o mama vai direito. Dispenso a roséola e penso: "Garganta! Só pode!" Noite agitada, bebê com febre, dor, chororô. Seguimos em turno, eu e Rafa, dando conta do mal estar do mocinho. Quando brilha o Sol, simbora pro PS. A febre tinha dado trégua, mas garganta é dureza, muitas vezes só ATB resolve e ATB só com receita médica.
Fila, espera, várias crianças com o mesmo quadro. Mudança de tempo é nisso que dá. A plantonista nos atende, aquele protocolo normal, quando vê a garganta, dispara: "Olha só como está inflamada!". Parecia uma couve-flor…

Adenóide

Ana Luiza sempre teve um sono meio agitado, mas eu achei que isso era dela. Mas dormindo com a gente, mesmo agitada, ela dormia.
Então, um belo dia, ela foi dormir na casa da avó e ela me perguntou como a gente conseguia dormir com a barulheira e agitação da Ana. Dei risada, porque achava que era coisa de avó, mas uma luzinha vermelha acendeu e comecei a prestar atenção nas madrugadas. 
Gente, que dó! Que MENAS MAIN! Ana Luiza ronca horrores, chega a ficar sem ar, respira só pela boca... Comentei com a pediatra e ela me disse que poderia ser adenóide. Lá fui eu "googlar" o que era essa tal de adenóide. Grosseiramente falando é uma "carninha" que se forma no fundo do nariz e que atrapalha a entrada de ar. Ela pode se resolver sozinha até os 6 anos, mas alguns casos resolve-se com uma cirurgia simples. Cirurgia = MEDO!
Fizemos o raio-X solicitado e apareceu um comprometimento de 2/3. 2/3!!!! PQP!!! Então, a pediatra prescreveu homeopatia para que fossemos acompanhan…

Enjôo x Fome

Já estamos na 9ª semana de gestação. Nessas horas eu acho que o tempo se arrastaaaaaaaaa, mas tudo bem. A novidade, não tão novidade assim é que os enjôos não deram trégua. Parece até que pioraram... Oh, céus!


Eu acordo já com dores e com uma vontade horrenda de colocar tudo (?) pra fora. Mas ao mesmo tempo que estou super enjoada, eu quase morro de fome. Mas fome por comida, não por café da manhã. Eu tenho vontade de matar um pratão de feijoada com muita costelinha, bacon e arroz. Daí, penso nisso e passo mal... hahahahahaha... não consigo entender... sério!

Hoje mesmo, acordei e quase botei os bofes pra fora. Na frente da Ana Luiza. Imaginem a carinha de assustada que ela fez. Ainda bem que foi só alarme falso...


O que tem ajudado, pouco, é água bem gelada, com gás. Eu que estava achando que a Coca-Cola iria ser minha melhor amiga, me enganei. Até tomo, mas prefiro água com bolinhas - como diz a Donana. Parece que aquele fundinho doce do gosto da Coca me deixa ainda mais enojada.


Outras…