Pular para o conteúdo principal

Sensibilidade de grávida

Estar grávida é ter hormônios pirados dando piruetas dentro do corpo, da mente, do coração. Estar num estado tão, mas tão interessante que a gente passa enxergar algumas coisas (e algumas pessoas) de maneira diferente. No meu caso, a gravidez me deu uma "lente da verdade", é excelente, mas me magoa em alguns momentos.
O que mais me frustra é ter a certeza de que aquela pessoa que a gente tanto gosta e confia, na realidade é uma pessoa que olha as suas conquistas e a sua vida com ar de inveja. Que sempre que tem uma oportunidade ela vai lá e puxa seu tapete, achando que ninguém vai perceber. "Imagina, justo ela, tão devota, carola e certinha, vai puxar o tapete de alguém?! Capaz..." Pois é, bem que ela tentou, mas eu percebi, no pulo do gato...
A gravidez é um momento que me deixa muito, muito seletiva. Eu fico mais introspectiva, mais observadora e mal humorada. São poucas as pessoas que eu quero por perto, pra compartilhar minhas dúvidas, conquistas, medos. Eu fico meio ogra, sei lá. E daí, que eu estava só observando o comportamento da criatura, vendo o leva e trás de informações, vendo e ouvindo o burburinho. E daí, uma pessoa que nada tem a ver com o pato, me confirma tudo. Assim, sem eu pedir, sem nada. Todas as pontas se juntaram e toda aquela máscara de beleza, pureza e carolice (ou seria carolisse?!) caiu e quebrou... em mil pedacinhos. Mostrando toda a face da injeva, olho gordo e fofoca.
Confesso que meu coração ficou partido, fiquei com raiva, triste, mas sabe do que?! Melhor saber a verdade, nua e crua, e afastar seres assim do meu convívio. E também preciso agradecer aos meus hormônios que me alertaram, ao meu sexto sentido que piscou vermelho vermelho quando essa pessoa veio cheia de boas intenções. Hoje, esse ditado faz todo o sentido: "De boas intenções o inferno está cheio!"
Beijos

Comentários

Carol Carvalho disse…
ai ai amiga, pior que tudo acontece bem assim mesmo. Depois que engravidei, fiquei tão intolerante que as vezes nem eu mesma me suporto.. mas prefiro assim sabe? E desse tipinho de gente que vc citou o mundo tá oh, cheeeeeeio!!
E o pior é a carinha de santa e a pose de vítima que fazem né?! Oh dó! rs
Bjos em vcs!!!
Ah, qqr dia tem q participar dos nosso encontrinhos... =)
LUA disse…
Ai!!!A gente não precisa estar gravida pra perceber e se magoar com esse tipo de coisa!
Isso acontece em qualquer momento e é o tipo de coisa que dói mesmo, talvez doa mais quando a gente tem os hormnioos a flor da pele como na gravidez!
é chato...mas como vc falou é melhor afastar de uma vez!!!
bj bj bj

Só as mães são felizes!
http://www.coisa-de-mae.blogspot.com
Dione disse…
Fá, ainda bem que seu radar tá ligadão. Pior coisa nesse "estado" é alguém pra sugar energia, magoar a gente. Risca logo essa pessoa do seu caderninho e bola pra frente!!
Beijos!
Than disse…
Engraçado....eu lendo seu post percebi q as "birras" q peguei de determinadas pessoas, são na vdd a tal lente da vdd e foi ótimo isso!
Gente desse jeito ta LOTADO, uma pena! Eu juro q tento as vezes me por no lugar de pessoas assim, mas olha, IMPOSSIVEL. Nao saberia ser assim!
É facil eu te falar pra apertar o botão do fod...-se, mas eu sei bem como é. A gente se sensibiliza, sofre, chora, se magoa...afffffff! rs
Coisa de gravida! rs
Entao bora relaxar!

E ah, é isso msm eu só engordei 2 kgs até agora com 23 semanas! E msm assim, coça do médico! Mas eu entendi a bronca, nem foi pelos 2 kgs em si e sim pelo pouco tempo q eu os adiquiri, em 1 mes só! Realmente 2 kgs num unico mes é muita coisa!

Bjos nossos em vcs!
Cris disse…
Eu tb fico mais introspectiva...

Hormonios!!


Ainda bem que vc enxergou a tempo essa pessoa, Fá!

Beijoo

Postagens mais visitadas deste blog

Adenóide

Ana Luiza sempre teve um sono meio agitado, mas eu achei que isso era dela. Mas dormindo com a gente, mesmo agitada, ela dormia.
Então, um belo dia, ela foi dormir na casa da avó e ela me perguntou como a gente conseguia dormir com a barulheira e agitação da Ana. Dei risada, porque achava que era coisa de avó, mas uma luzinha vermelha acendeu e comecei a prestar atenção nas madrugadas. 
Gente, que dó! Que MENAS MAIN! Ana Luiza ronca horrores, chega a ficar sem ar, respira só pela boca... Comentei com a pediatra e ela me disse que poderia ser adenóide. Lá fui eu "googlar" o que era essa tal de adenóide. Grosseiramente falando é uma "carninha" que se forma no fundo do nariz e que atrapalha a entrada de ar. Ela pode se resolver sozinha até os 6 anos, mas alguns casos resolve-se com uma cirurgia simples. Cirurgia = MEDO!
Fizemos o raio-X solicitado e apareceu um comprometimento de 2/3. 2/3!!!! PQP!!! Então, a pediatra prescreveu homeopatia para que fossemos acompanhan…

Doença da mão,pé e boca - Doencinha das Trevas

Sábado, casório pra gente ir. Quando é comecinho de tarde, Gu começa a apresentar uma febre muito da esquisita. Alta, sem nenhum outro sintoma. Um bichinho me cutucou, lembrei do bilhete que veio na agenda sobre casos de Roséola. Rá, só pode ser isso. Anti-térmico, colo, água, paciência. Adeus festerê noturno. Nossa balada da madruga será com um bebezão com febre. 
Quando é de noite, vejo que ele tem dificuldades pra engolir. Nem o mama vai direito. Dispenso a roséola e penso: "Garganta! Só pode!" Noite agitada, bebê com febre, dor, chororô. Seguimos em turno, eu e Rafa, dando conta do mal estar do mocinho. Quando brilha o Sol, simbora pro PS. A febre tinha dado trégua, mas garganta é dureza, muitas vezes só ATB resolve e ATB só com receita médica.
Fila, espera, várias crianças com o mesmo quadro. Mudança de tempo é nisso que dá. A plantonista nos atende, aquele protocolo normal, quando vê a garganta, dispara: "Olha só como está inflamada!". Parecia uma couve-flor…

Enjôo x Fome

Já estamos na 9ª semana de gestação. Nessas horas eu acho que o tempo se arrastaaaaaaaaa, mas tudo bem. A novidade, não tão novidade assim é que os enjôos não deram trégua. Parece até que pioraram... Oh, céus!


Eu acordo já com dores e com uma vontade horrenda de colocar tudo (?) pra fora. Mas ao mesmo tempo que estou super enjoada, eu quase morro de fome. Mas fome por comida, não por café da manhã. Eu tenho vontade de matar um pratão de feijoada com muita costelinha, bacon e arroz. Daí, penso nisso e passo mal... hahahahahaha... não consigo entender... sério!

Hoje mesmo, acordei e quase botei os bofes pra fora. Na frente da Ana Luiza. Imaginem a carinha de assustada que ela fez. Ainda bem que foi só alarme falso...


O que tem ajudado, pouco, é água bem gelada, com gás. Eu que estava achando que a Coca-Cola iria ser minha melhor amiga, me enganei. Até tomo, mas prefiro água com bolinhas - como diz a Donana. Parece que aquele fundinho doce do gosto da Coca me deixa ainda mais enojada.


Outras…